XXIII SBRH - Simpósio Brasileiro de Recursos Hídricos

Data: 24/11/2019 à 28/11/2019
Local: Foz do Iguaçu - PR
ISSN: 2318-0358
Mais informações: https://eventos.abrh.org.br/xxiiisbrh/

POTENCIAL DO MODELO HIDROLÓGICO LISEM PARA REPRESENTAÇÃO DE HIDROGRAMAS DE CHEIAS EM UMA BACIA HIDROGRÁFICA NO SUL DO BRASIL

Código

XXIII-SBRH0619

Autores

Marcelle Martins Vargas, Samuel Beskow, CARLOS ROGERIO DE MELLO, MARIA CÂNDIDA MOITINHO NUNES, LESSANDRO COLL FARIA

Tema

02 - Hidrologia

Resumo

Modelos hidrológicos conceituais e fisicamente baseados são de grande importância para a gestão de cheias em bacias hidrográficas e permitem compreender os componentes do ciclo hidrológico, desta forma dando suporte a tomadas de decisões. O Limburg Soil Erosion Model (LISEM) faz uso de parâmetros físicos relacionados a classes de solo e de uso do solo e fornece opções para a modelagem de eventos chuva-vazão. O objetivo deste estudo foi avaliar o potencial do LISEM para representação de hidrogramas de cheias na bacia hidrográfica do arroio Cadeia (BHAC), localizada no sul do Brasil. A análise de sensibilidade dos parâmetros condutividade hidráulica do solo saturada (Ksat), umidade inicial (?i) e coeficiente de rugosidade de superfície de Manning (Manningc), mostrou-se importante para calibrar o LISEM com base em 10 eventos chuva-vazão. Os valores de Ksat, ?i e o Manningc foram calibrados concomitantemente, resultando em um valor médio do coeficiente de Nash-Sutcliffe de 0,71. Para confirmar os valores dos parâmetros calibrados, 5 eventos foram usados para validação do modelo. Com base nos resultados, foi possível concluir que o LISEM apresenta potencial de aplicação, sendo uma ferramenta promissora no que concerne à estimativa de hidrogramas de cheias na BHAC.

© 2022 - Todos os direitos reservados - Sistema de publicação de trabalhos técnico ABRHidro - Associação Brasileira de Recursos Hídricos
Desenvolvido por Pierin.com