XXII SBRH - Simpósio Brasileiro de Recursos Hídricos

Data: 26/11/2017 à 01/12/2017
Local: Florianópolis - SC
ISSN: 2318-0358
Mais informações: http://www.abrh.org.br/xxiisbrh

PROCESSO HIERÁRQUICO ANALÍTICO NO MAPEAMENTO DE RISCO À INUNDAÇÃO EM PELOTAS/RS

Código

PAP022581

Autores

Alan da Costa Viegas, Fabrício da Silva Terra, Marcio Pagano Aragona

Tema

3 - Extremos hidrológicos

Resumo

As inundações ocorrem quando a água excedente que não infiltra no solo e que escorre superficialmente não consegue ser drenada pelos canais ou não podem ser retidas por reservatórios. Além dos danos econômicos, as inundações podem provocar também prejuízos humanos irreparáveis. O objetivo deste trabalho foi desenvolver um sistema de informações geográficas (SIG) baseado no método do Processo Hierárquico Analítico (AHP) a fim de modelar, identificar e mapear áreas com diferentes níveis de risco à inundação no município de Pelotas/RS. As variáveis utilizadas foram: classes de solo, capacidade de uso das terras, altitude, declividade, densidade de fluxo e índice espectral de água. Essas foram reclassificadas pelo risco potencial de 0 a 10 e comparadas par a par usando a escala de Saaty para definir o peso de cada uma na modelagem. Os valores de potenciais variaram de 0,86 a 9,89, sendo 10 o maior potencial. Pode-se observar que a distribuição das susceptibilidades à inundação obedeceu às características geomorfológicas da área de estudo, onde áreas mais onduladas e mais altas apresentaram menores potenciais, enquanto que áreas de baixada (planícies) com relevo plano apresentaram os maiores riscos. O método AHP é efetivo na modelagem da inundação produzindo mapa verossímil à realidade local.

© 2022 - Todos os direitos reservados - Sistema de publicação de trabalhos técnico ABRHidro - Associação Brasileira de Recursos Hídricos
Desenvolvido por Pierin.com