II END - Encontro Nacional de Desastres da ABRHidro

Data: 15/12/2020 à 18/12/2020
Local: Virtual
Mais informações: https://www.abrhidro.org.br/iiend

ÍNDICE OPERACIONAL PARA O MONITORAMENTO DA SECA HIDROLÓGICA NO ALTO IGUAÇU

Autores

BRUNO HENRIQUE TONÁ JULIANI, ANDRÉ LUIZ DE CAMPOS, ARLAN SCORTEGAGNA ALMEIDA, Eduardo Alvim Leite

Tema

Estudos relacionados a estiagens/secas

Resumo

O ano de 2020 foi marcado pela ocorrência de uma seca de alta severidade na Região Sul do Brasil. Como consequência, os três estados a Região Sul passaram a integrar o Programa Monitor de Secas do Brasil. No intuito de desenvolver um sistema operacional para o monitoramento de secas, o estado do Paraná deu início à implementação de um índice de seca hidrológica baseado apenas em vazões, que foi inicialmente aplicado aos dados do posto fluviométrico localizado no rio Iguaçu em União da Vitória. Este trabalho tem por objetivo apresentar os resultados obtidos, bem como as vantagens e dificuldades do método operacional. A aplicação do índice à série de vazão de União da Vitória (1930 - atual) permitiu verificar que a seca de 2020 foi a mais severa já registrada na região do Alto Iguaçu. O método permite aprimorar o procedimento de validação preconizado no Monitor de Secas e surge como proposta para aplicação em outros estados que também realizam a validação dos traçados dos mapas gerados nesse Programa.

Sistema de publicação de trabalhos técnico ABRhidro - Associação Brasileira de Recursos Hídricos
Desenvolvido por Pierin.com