II END - Encontro Nacional de Desastres da ABRHidro

Data: 15/12/2020 à 18/12/2020
Local: Virtual
Mais informações: https://www.abrhidro.org.br/iiend

AVALIAÇÃO DO MODELO MGB NA BACIA DO MAGDALENA/COLÔMBIA E DE ROMPIMENTO DE DIQUE DURANTE O EVENTO LA NIÑA DE 2011

Autores

Gabriel Narváez Campo, FERNANDO CAMPO ZAMBRANO, Ayan Santos Fleischmann, Héctor Angarita, VINÍCIUS ALENCAR SIQUEIRA, João Paulo Lyra Fialho Brêda

Tema

Estudos relacionados a inundações

Resumo

A bacia do Rio Magdalena abrange cerca de 77% da população da Colômbia e uma área de drenagem de 273.000 km². Nos anos 2010-2011 houve um intenso período de inundações, associado a um evento de La Niña. Apresenta-se neste estudo a aplicação do modelo MGB para simulação das inundações na bacia, forçado com chuvas observadas diárias de 878 estações in-situ, e calibrado com dados de vazão de 20 estações fluviométricas in-situ. O modelo também considera o efeito de regularização de três reservatórios localizados na bacia. De modo geral, foram obtidos resultados satisfatórios para a calibração de vazão, bem como para uma validação qualitativa da mancha de inundação simulada para o período 2010-2011. Por fim, utilizou-se o modelo para compreender o efeito de rompimento de um dique na região do Baixo Rio Cauca, um dos principais tributários da bacia, em termos da vazão máxima que teria ocorrido na bacia caso este não tivesse rompido.

Sistema de publicação de trabalhos técnico ABRhidro - Associação Brasileira de Recursos Hídricos
Desenvolvido por Pierin.com