II END - Encontro Nacional de Desastres da ABRHidro

Data: 15/12/2020 à 18/12/2020
Local: Virtual
Mais informações: https://www.abrhidro.org.br/iiend

MONITORAMENTO DAS ESTAÇÕES FLUVIOMÉTRICAS DO RIO PARAOPEBA APÓS O ROMPIMENTO DA BARRAGEM DE REJEITOS

Autores

EMILIA YUMI KAWAGUCHI, Luiza Clemente Cardoso, BÁRBARA HENRIQUES DE OLIVEIRA L. CORDEIRO, Alice Silva de Castilho, fernando silva rego, Marlon Marques Coutinho

Tema

Estudos de caso de grandes desastres (naturais/tecnológicos)

Resumo

Este artigo apresenta a avaliação do monitoramento de cotas e vazões das estações fluviométricas do rio Paraopeba após o rompimento da barragem de rejeitos B1 da mina de minério de ferro do Córrego do Feijão da Vale, ocorrido em janeiro de 2019. O monitoramento diário foi realizado até 14 de março de 2019, a partir desta data foram realizadas visitas semanais até meados de abril de 2019 nos pontos de monitoramento pertencentes à Rede Hidrometerologica Nacional (RHN): Alberto Flores (AF), Mário Campos (MC), Ponte Nova do Paraopeba (PNP) e Ponte da Taquara (PT). Para o período entre maio de 2019 e março de 2020 foram realizadas visitas de campo mensais nessas estações fluviométricas. O registro do evento foi constituído de monitoramento: dos níveis e vazões do rio Paraopeba imediatamente a montante e a jusante da confluência com o ribeirão Ferro Carvão; da precipitação em vários pontos da bacia; de 5 parâmetros de qualidade de água in loco: temperatura, turbidez, pH, OD, condutividade elétrica; de concentração de sedimentos em suspensão; da granulometria em suspensão e de fundo. Avaliando os resultados obtidos em campo, observou-se grandes mudanças na relação cota x vazão na estação AF, em função do depósito dos rejeitos a jusante da confluência do rio Paraopeba com o ribeirão Ferro Carvão.Isso ocasionou um remanso na estação de AF que está localizada a montante desta confluência alterando seu controle hidráulico. Já as estações PNP e PT não apresentaram mudança na relação cota x vazão após a ruptura da barragem.

Sistema de publicação de trabalhos técnico ABRhidro - Associação Brasileira de Recursos Hídricos
Desenvolvido por Pierin.com