II END - Encontro Nacional de Desastres da ABRHidro

Data: 15/12/2020 à 18/12/2020
Local: Virtual
Mais informações: https://www.abrhidro.org.br/iiend

Os desastres no Sudeste e Nordeste brasileiro e a sua relação com a precipitação e temperatura

Autores

Bianca Nunes Calado, MARÍA CLEOFÉ VALVERDE BRAMBILA, Vitor Vieira Vasconcelos

Tema

Estudos relacionados a desastres meteorológicos

Resumo

A Respectiva pesquisa analisou a relação de desastres por excesso de chuva e pela escassez de chuva nas Regiões do Nordeste e do Sudeste no Brasil. observou-se que os desastres relacionados com a seca e estiagem no Nordeste e Sudeste afetaram em sua maior proporção Estados como a Bahia (ND) e Minas Gerais (SD), ocasionando a milhares de pessoas a incapacidade de abastecimento suficiente para as necessidades. Mesmo em anos em que a precipitação foi maior, a capacidade de reabastecimento de reservatórios foi insuficiente, gerando um maior número de afetados nos últimos anos e gerando danos materiais dispendiosos aos Estados. Especificamente, para desastres relacionados com o excesso de chuva, o Sudeste apresentou um maior número de afetados por deslizamentos de terra e inundações, como foi o caso do ano de 2018. Já, no Nordeste, após um período de seca prolongada (2012 até 2016) mesmo com o aumento das chuvas nos anos 2017 e 2018, o número de afetados pela seca e a estiagem ainda foi muito alto. No que se refere às temperaturas, a tendência de aumento nas duas regiões traz uma alerta sobre a intensificação dos extremos, seja para excesso ou escassez de chuva.

Sistema de publicação de trabalhos técnico ABRhidro - Associação Brasileira de Recursos Hídricos
Desenvolvido por Pierin.com