XIII ENAU - Encontro Nacional de Águas Urbanas e III SRRU - Simpósio de Revitalização de Rios Urbanos

Data: 19/10/2020 à 22/10/2020
Local: virtual
ISSN: 2359-1897
Mais informações: https://www.abrhidro.org.br/xiiienau-iiisrru

ACHADOS RECENTES SOBRE A QUALIDADE DA ÁGUA DO RIO COCÓ EM UM TRECHO URBANO DA CIDADE DE FORTALEZA - CEARÁ

Autores

Luís Gustavo Gomes Diógenes, Adriana Pereira do Nascimento, Rosa Márcia Araújo da Silva, GILCENARA DE OLIVEIRA, Fernando José Araújo da Silva

Tema

ENAU - 03 - Poluentes em águas urbanas: fontes, acumulação, carreamento e impactos

Resumo

O Rio Cocó, atualmente, é o maior corpo hídrico presente no município de Fortaleza. Sua nascente se encontra na Serra de Aratanha, passando por diversas cidades e bairros dentro do município de Fortaleza, até seu deságue na Praia da Sabiaguaba. Por se tratar de um rio urbano, sofre vários impactos ao longo do seu percurso, é receptor de efluentes industriais, e domésticos. Este trabalho teve como objetivo analisar a qualidade da água do rio Cocó no período de julho a outubro de 2018. Utilizou-se as Resoluções CONAMA N° 357/ 2005 e CONAMA N° 274/ 2000 para realizar posterior comparação com os resultados achados. Os pontos 1 e 2 estão dentro do Parque Ecológico do Cocó e os pontos 3, 4, 5 e 6 estão situados no bairro Sabiaguaba, onde o último ponto se encontra na sua foz. A maioria dos resultados encontrados mostraram taxas preocupantes no que se diz respeito a poluição desse corpo hídrico. Alguns parâmetros apresentaram valores muito alterados nos pontos 1, 2 e 6, e a análise microbiológica ultrapassou os limites estabelecidos pela legislação. Conclui-se que o trecho estudado apresenta qualidade sanitária precária como recurso hídrico urbano.

Sistema de publicação de trabalhos técnico ABRhidro - Associação Brasileira de Recursos Hídricos
Desenvolvido por Pierin.com