XIII ENREHSE - Encontro de Recursos Hídricos em Sergipe (Virtual)

Data: 22/03/2021 à 25/03/2021
Local: Aracaju-SE
Mais informações: http://www.abrhidro.org.br/xiiienrehse

IMPACTO DA SALINIDADE DA ÁGUA SUBTERRÂNEA NA RENDA DOS AGREGADOS FAMILIARES DO BAIRRO DE MULOTANA

Código

XIII-ENREHSE0076

Autores

Rosa Fernanda Constantino Ouana

Tema

Qualidade e Quantidade da Água

Resumo

A informação que segue reflecte os resultados obtidos no estudo do impacto da salinidade das águas subterrâneas na renda dos agregados familiares do bairro de Mulotana, tendo em conta a análise do impacto social e económico assente no facto de os agregados familiares consumirem água dos poços, da chuva, comprada em camiões cisternas, comprada em bidões de 20 litros, o que de certa forma, afecta directamente a renda destes agregados familiares, sendo um bairro com aquíferos salinos e sem rede pública e privada de abastecimento de água. O mesmo foi desenvolvido no âmbito da certificação da qualidade de água, que é uma das temáticas de referência para o debate no XIII Encontro dos Recursos Hídricos em Sergipe (Brasil). Para o alcance dos objectivos preconizados para este trabalho, recorreu-se a consulta bibliográfica, recolha de dados primários através de um inquérito aplicado aos agregados familiares e de entrevistas semiestruturadas a pessoas ligadas a área de estudo. Os resultados do estudo mostram que devido a salinidade da água subterrânea no bairro de Mulotana, os residentes estão privados de explorar directamente a água do aquífero, sendo obrigados a comprar água para o uso diário a preços elevados, insuportáveis para o nível de renda, dado que, maior parte dos agregados inquiridos aufere em média mensal até 5000 meticais e, tem como fonte de renda o comércio informal, dai que percorrem longas distâncias em busca deste líquido precioso e consomem água imprópria para o consumo humano.

Sistema de publicação de trabalhos técnico ABRhidro - Associação Brasileira de Recursos Hídricos
Desenvolvido por Pierin.com