XXIII SBRH - Simpósio Brasileiro de Recursos Hídricos

Data: 24/11/2019 à 28/11/2019
Local: Foz do Iguaçu - PR
ISSN: 2318-0358
Mais informações: https://eventos.abrh.org.br/xxiiisbrh/

A RESTAURAÇÃO FLORESTAL COMO ESTRATÉGIA DE RECUPERAÇÃO EM ÁREAS DE INTERESSE PARA PROTEÇÃO DE MANANCIAIS (AIPM) NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO

Autores

Patricia Rosa Martines Napoleão, Silvia Marie Ikemoto, CIRO LÓTFI VAZ

Tema

01 - Planejamento e Gestão de Recursos Hídricos

Resumo

As áreas prioritárias para restauração florestal nas Áreas de Interesse para Proteção de Mananciais, mapeadas para as 199 áreas de interesse para proteção e recuperação de mananciais (AIPMs) do Estado do Rio de Janeiro, distribuídas por cerca de 70% do território fluminense, indicam a prioridade para o estabelecimento de estratégias e políticas públicas que visam à melhoria da qualidade ambiental e a promoção da segurança hídrica. As áreas prioritárias para restauração florestal foram definidas a partir da álgebra de mapas e análise multicritério de temas como a potencialidade ambiental, determinada pela combinação de temas como a prioridade para regeneração natural da vegetação, manutenção da biodiversidade e processos ecológicos e a potencialidade físico-climática para oferta hídrica, indicando as áreas na AIPM com maior potencial para a obtenção de sucesso para a restauração. Em contraposição, a pressão sobre os mananciais também foi definida, considerando a fragilidade ambiental e o balanço hídrico. Os resultados apontaram graus de prioridade para restauração, totalizando cerca de 796.500 hectares mapeados como de alta e muita prioridade para restauração florestal nas AIPMs do Estado do Rio de Janeiro.

Sistema de publicação de trabalhos técnico ABRhidro - Associação Brasileira de Recursos Hídricos
Desenvolvido por Pierin.com