XXIII SBRH - Simpósio Brasileiro de Recursos Hídricos

Data: 24/11/2019 à 28/11/2019
Local: Foz do Iguaçu - PR
ISSN: 2318-0358
Mais informações: https://eventos.abrh.org.br/xxiiisbrh/

A IMPLANTAÇÃO DE CISTERNAS PARA A REGIÃO SEMIÁRIDA DO ESTADO DE PERNAMBUCO x PLUVIOMETRIA

Autores

Margarida Regueira da Costa, José Almir Cirilo

Tema

01 - Planejamento e Gestão de Recursos Hídricos

Resumo

A partir da constatação de que a escassez é um limitador ao desenvolvimento vê-se que, assim como aconteceu com o petróleo no passado, a água pode vir a ser motivo de confrontos futuros em pelo menos cinco regiões do mundo. O Brasil, apesar de ter uma situação de disponibilidade hídrica privilegiada (maior disponibilidade hídrica do planeta), apresenta problemas relacionados à disponibilidade hídrica, sendo afetado tanto pela escassez quanto pela abundância. A Região Nordeste apresenta como característica a de possuir grande parte do seu território coincidindo em área de clima semiárido, com uma precipitação anual média na casa dos 900 mm, chegando próxima a 400 mm, em algumas regiões. Assim é importante que sejam adotadas tecnologias mais adequadas para cada região, dimensionadas por estudos para levar água para as populações dispersas em áreas onde há pouca ou nenhuma água. Como resultado dos estudos, observou-se que do ponto de vista hidrológico, uma cisterna de 16 m³ pode ser implementada em todos os domicílios do estado de Pernambuco que apresentem um telhado com pelo menos 40m² de área, com retirada diária garantida inferior a 50 l/dia. Em áreas de microclima até 4 cisternas podem ser abastecidas.

Sistema de publicação de trabalhos técnico ABRhidro - Associação Brasileira de Recursos Hídricos
Desenvolvido por Pierin.com