XXIII SBRH - Simpósio Brasileiro de Recursos Hídricos

Data: 24/11/2019 à 28/11/2019
Local: Foz do Iguaçu - PR
ISSN: 2318-0358
Mais informações: https://eventos.abrh.org.br/xxiiisbrh/

AJUSTE DA EQUAÇÃO INTENSIDADE-DURAÇÃO-FREQUÊNCIA DE SÃO BONIFÁCIO, SANTA CATARINA

Autores

Amarfelina Fernandes de Oliveira de Aguiar, Cláudia Weber Corseuil, Álvaro José Back, Maria Angeles Lobo Recio, Marcos Ricardo Giehl

Tema

02 - Hidrologia

Resumo

A caracterização da precipitação é realizada pela intensidade, o tempo de duração e a sua frequência de ocorrência, permitindo, assim, definir a relação intensidade-duração-frequência (IDF). A relação IDF é de extrema importância, no planejamento e projeto de obras hidráulicas, tais como os bueiros, barragens, irrigação, controle de inundações, erosão e escoamento superficial, onde não há disponibilidade de dados de vazão (BACK, 2010). Nesse sentido, o presente estudo objetivou obter a equação IDF ajustada para São Bonifácio, SC, com base na desagregação da chuva máxima diária. Foram utilizados os dados diários da estação pluviométrica de São Bonifácio (código 02748018) e, deste modo, obteve-se a série de precipitações máximas anuais para os períodos de retorno de 2, 5, 10, 15, 20, 25, 50 e 100 anos, usando as distribuições de probabilidade de Log-Normal com dois parâmetros (LN2); a Log-Normal com três parâmetros (LN3); distribuição Pearson tipo III; distribuição Gumbel e distribuição Generalizada de Eventos Extremos (GEV). A avaliação do ajuste foi feita pelo teste Kolmogorov-Smirnov. Para determinação dos parâmetros K, a, b e c da equação IDF foi feita a desagregação da chuva de um dia para 24h. O melhor ajuste da equação foi obtido pelo o método de Gumbel.

Sistema de publicação de trabalhos técnico ABRhidro - Associação Brasileira de Recursos Hídricos
Desenvolvido por Pierin.com