XIV SRHNE - SIMPÓSIO DE RECURSOS HÍDRICOS DO NORDESTE

Data: 20/11/2018 à 24/11/2018
Local: Maceió - AL
ISSN: 2359-1900
Mais informações: https://www.abrh.org.br/xivsrhne

Aplicação e análise de equações empíricas no cálculo da vazão de pico resultante de um evento de ruptura de barragens

Autores

Itamara Mary Leite de Menezes Taveira1, Luísa Ciríaco Silva de Oliveira, Thaiza Alves Fernandes3, Daniel Afonso Nunes de Assis2

Tema

13. Segurança de barragens

Resumo

Neste trabalho foram analisadas 140 barragens do estado do Ceará, quando submetidas às estimativas hipotéticas de ruptura. Para tanto, utilizou-se como referência trabalhos especializados contendo modelos analíticos e empíricos, buscando analisar e comparar as diferentes equações de vazão de pico utilizadas, resultante de simulações fictícias de rompimento de barragens, bem como a propagação da onda de cheia no vale à jusante. A seleção das equações empíricas utilizadas relacionam tanto as características do maciço da barragem, a capacidade dos reservatórios, como também a relação entre elas. Vale ressaltar que a utilização de simulações hipotéticas de ruptura de barragens tem significância comprovada para os estudos de elaboração dos mapas de inundação e dos Planos de Ações de Emergência (PAE), sendo eles itens exigidos pela Lei nº 12.334/2010.

Sistema de publicação de trabalhos técnico ABRhidro - Associação Brasileira de Recursos Hídricos
Desenvolvido por Pierin.com