XII ENAU - ENCONTRO NACIONAL DE ÁGUAS URBANAS

Data: 20/11/2018 à 24/11/2018
Local: Maceió - AL
ISSN: 2359-1897
Mais informações: https://www.abrh.org.br/xivsrhne

PRÉ-PROJETO DE UM WETLAND DE FLUXO SUPERFICIAL CONSTRUÍDO COMO ESTRUTURA DE DRENAGEM URBANA SUSTENTÁVEL

Código

10719

Autores

Rafaela Del Rosario Beretta Lopez, Luca Bonaspetti Caprara, Patrícia Kazue Uda

Tema

09. Projeto, restauração e reabilitação de componentes do sistema de drenagem

Resumo

As cidades brasileiras se desenvolveram entorno de rios, modificando seu ciclo hidrológico, sua paisagem natural e a qualidade da água desses ambientes. A situação dos córregos dentro do Campus Reitor Joao David Ferreira Lima da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) se enquadra neste cenário, estando em desacordo com normativas ambientais. O presente trabalho elaborou um pré-projeto de Wetland de fluxo superficial como instrumento de revitalização do córrego urbano da Serrinha, dentro do campus universitário da UFSC. O objetivo do trabalho foi melhorar a qualidade do córrego, assim como, amortecer os picos de vazão, reduzindo os riscos de enchentes. Para garantir a eficiência de remoção de poluentes, foi proposta a inclusão de bacia de sedimentação a montante. Foi calculado um volume de armazenamento baseado no tempo de detenção hidráulico suficiente para ocorrer as reações biológicas e físicas no Wetland, resultando um volume total do sistema de 4.157 m3. Finalmente, foi estimada a eficiência de remoção de poluentes do sistema, e o resultado comparado com os limites máximos para rios de Classe II, aplicado ao córrego da Serrinha. A água tratada não se enquadraria dentro dos limites de Classe II, mas possui eficiente remoção de diversos poluentes, e a melhoria da qualidade da água e do seu entorno seriam profundamente visíveis.

© 2022 - Todos os direitos reservados - Sistema de publicação de trabalhos técnico ABRHidro - Associação Brasileira de Recursos Hídricos
Desenvolvido por Pierin.com