III SRHPS - Simpósio de Recursos Hídricos do Rio Paraíba do Sul

Data: 27/08/2018 à 29/08/2018
Local: Juiz de Fora - MG
Mais informações: http://www.ufjf.br/srhps/

BACIA DO RIO NOVO: UM ESTUDO MORFOMÉTRICO, QUALITATIVO E QUANTITATIVO

Código

A0026

Autores

Yago Vinícius Motta Benedito, Pedro Barreiros Silva de Souza Fagundes, Guilherme Bento Nicolau, Celso Bandeira de Melo Ribeiro

Tema

Gestão de Recursos Hídricos

Resumo

As recentes discussões sobre o correto e adequado gerenciamento das águas para seus respectivos fins vêm sendo realizadas de forma concisa principalmente devido às crises hídricas ocorridas nos últimos anos ocasionadas pelas mudanças climáticas e o aumento do uso, principalmente no que tange ao abastecimento público e industrial. Neste cenário, a utilização das bacias como unidade de gerenciamento dos recursos hídricos tem atraído cada vez mais a atenção para a necessidade de planejamento integrado dessas regiões, na tomada de decisões. Para tal, fazse necessário conhecer bem a bacia a fim de tirar proveito de suas características e utilizá-las da melhor forma visando alcançar a sustentabilidade. Dessa maneira, este trabalho traz uma caracterização da bacia do rio Novo, localizada na Zona da Mata do estado de Minas Gerais e apresenta suas características morfométricas, suas vazões de referência e o estado da qualidade da água, a fim de ajudar as tomadas de decisão desta região. Obteve-se um Coeficiente de Compacidade de 2,38 e um fator de forma de 0,101, além do índice de sinuosidade igual a 1,4. Além disso, foi possível a geração de cartas de declividade e cobertura do solo, as quais auxiliaram na leitura e interpretação de dados do estudo. Quanto à qualidade da água, foi encontrada a classificação média.

Sistema de publicação de trabalhos técnico ABRHidro - Associação Brasileira de Recursos Hídricos
Desenvolvido por Pierin.com