XXII SBRH - Simpósio Brasileiro de Recursos Hídricos

Data: 26/11/2017 à 01/12/2017
Local: Florianópolis - SC
ISSN: 2318-0358
Mais informações: http://www.abrh.org.br/xxiisbrh

ANÁLISE DA SEVERIDADE DA RECENTE ESTIAGEM NA BACIA DO MÉDIO RIO PARAOPEBA, EM MINAS GERAIS, E DO RISCO DE OCORRÊNCIA DE UM NOVO EVENTO NOS PRÓXIMOS 30 ANOS: PARTE I - TEORIA

Código

PAP022127

Autores

VIVIANE BORDA PINHEIRO ROCHA, TAINA ULHOA MOTA, BRUNO SOUZA COSTA CAMPELLO, Eber José de Andrade Pinto

Tema

3 - Extremos hidrológicos

Resumo

O conhecimento da severidade de determinada estiagem, em termos de seu período de retorno, constitui importante ferramenta de apoio ao gerenciamento e planejamento de curto, médio e longo prazo em bacias hidrográficas com intensa utilização de água superficial. O presente trabalho baseou-se na metodologia proposta por Salas et al. (2005) para verificar a frequência de ocorrência da estiagem observada desde 2012 em parte da Região Sudeste do Brasil, com foco sobre uma das bacias que abastecem a Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH). Objetiva-se, com isso, auxiliar a tomada de decisões para planejamento de sistemas hídricos e demais estudos que dependam das secas como critério de projeto ou de avaliação. Este trabalho foi dividido em dois artigos, sendo esta a Parte I, relativa à introdução ao estudo de estiagens, à apresentação dos aspectos da recente estiagem que justifiquem sua investigação e às bases teóricas para as análises realizadas. Na Parte II - Aplicação, são apresentados os resultados obtidos para o rio Paraopeba em Alberto Flores e as possíveis aplicações em outras bacias brasileiras.

Sistema de publicação de trabalhos técnico ABRhidro - Associação Brasileira de Recursos Hídricos
Desenvolvido por Pierin.com