XXII SBRH - Simpósio Brasileiro de Recursos Hídricos

Data: 26/11/2017 à 01/12/2017
Local: Florianópolis - SC
ISSN: 2318-0358
Mais informações: http://www.abrh.org.br/xxiisbrh

ANÁLISE DA EVAPOTRANSPIRAÇÃO REAL EM LAGUNA POR MEIO DO MODELO SEBAL

Código

PAP023004

Autores

CRISTYAN FRANCISCO DA SILVA, Patrícia Kazue Uda, DAVIDE FRANCO, Filipe Viezzer da Silva

Tema

5 - Modelagem hidrológica, de sedimentos e de qualidade de águas

Resumo

O presente estudo buscou estimar a evapotranspiração real diária e mensal, considerando-se os diferentes usos e cobertura do solo, na bacia hidrográfica da Lagoa da Conceição (78 km²), situada na porção leste do município de Florianópolis - SC. Para tal, utilizou-se a metodologia do Surface Energy Balance Algorithm for Land (SEBAL) e 19 imagens do satélite Landsat-TM5, adquiridas 2005 a 2011. O tipo de uso e ocupação do solo com os maiores valores de evapotranspiração encontrados foi a água, com média de 4,94 mm.dia-1, como já era esperado em função do seu comportamento termodinâmico e baixo albedo. Em seguida, aparecem as áreas de florestas (3,93 mm.dia-1) e de pinus (3,63 mm.dia?1). Os menores valores foram encontrados para as áreas urbana (0,77 mm.dia-1) e de dunas (0,51 mm.dia?1), em função dos valores de albedo mais elevados, absorvendo menos energia para a evapotranspiração. O modelo SEBAL estima corretamente a variação da evapotranspiração em função das modificações dos parâmetros climáticos ao longo das estações do ano. É importante destacar o papel das áreas de florestas e de água na bacia hidrográfica em relação à evapotranspiração, visto que estes tipos de cobertura do solo são responsáveis pela maior fração da evapotranspiração na bacia.

Sistema de publicação de trabalhos técnico ABRhidro - Associação Brasileira de Recursos Hídricos
Desenvolvido por Pierin.com