XVI SRHNe - Simpósio de Recursos Hídricos do Nordeste e 15º SILUSBA - Simpósio de Hidráulica e Recursos Hídricos dos Países de Língua Portuguesa

Data: 06/11/2022 à 11/11/2022
Local: Caruaru - PE
Mais informações: https://www.abrhidro.org.br/xvisrhne

AVALIAÇÃO DO ÍNDICE DE QUALIDADE DAS ÁGUAS (IQA) E ÍNDICE DO ESTADO TRÓFICO (IET) EM TRECHO DO RIO BEBERIBE

Código

XVISRHNE0150

Autores

JOSÉ ADSON ANDRADE DE CARVALHO FILHO, Raquel Ferreira do Nascimento, Lucas Caitano da Silva, Andréa Shirley Xavier da Silva, ANDERSON LUIZ RIBEIRO DE PAIVA

Tema

6. Novas abordagens na requalificação de rios e qualidade da água

Resumo

O desenvolvimento econômico e urbanização desregulada têm comprometido a qualidade da água do rio Beberibe, localizado na região Metropolitana do Recife, que fornece água para fins domésticos, comerciais e industriais através do seu sistema de abastecimento. Historicamente, desde a década de sessenta, o rio já apresentava quadro preocupante em relação à poluição das suas águas. Pensando em retardar os impactos causados pelas ações antrópicas, estudos que permitam avaliar as condições e as tendências de variação dos ambientes aquáticos são de suma importância. O presente trabalho propôs avaliar um trecho do rio Beberibe através do uso de índices como IQA e IET como instrumento de informação da qualidade da água. Para a análise da qualidade de água, dois pontos foram considerados no rio Beberibe: BE-09 (montante, baixa densidade populacional) e BE-50 (jusante, altamente urbanizado). O ponto a montante, BE-09, se mostrou consistente aos padrões exigidos (IQA entre 64 e 79; IET 47 e 59). Ao contrário do ponto BE-50, que atestou uma qualidade da água bastante comprometida (IQA entre 19 e 20; IET entre 71 e 78). Isso indica a influência das ações antrópicas e despejos de resíduos líquidos e sólidos na qualidade da água de um corpo hídrico.

© 2022 - Todos os direitos reservados - Sistema de publicação de trabalhos técnico ABRHidro - Associação Brasileira de Recursos Hídricos
Desenvolvido por Pierin.com