XIV ENAU - Encontro Nacional de Águas Urbanas e IV SRRU - Simpósio de Revitalização de Rios Urbanos

Data: 19/09/2022 à 23/09/2022
Local: Brasília - DF
Mais informações: https://www.abrhidro.org.br/xivenau

AVALIAÇÃO DO EFEITO DA MANUTENÇÃO DE ÁREAS PERMEÁVEIS E INCORPORAÇÃO DE ESTRUTURAS DE BAIXO IMPACTO NA REDUÇÃO DO ESCOAMENTO E DAS VAZÕES DE PICO EM LOTES URBANOS

Código

XIV-ENAU_IV-SRRU0015

Autores

Camila de Andrade Oliveira, Gustavo Barbosa Lima da Silva

Tema

ENAU - 01 - Processos hidrológicos em meio urbano: monitoramento e modelagem de quantidade e de qualidade de água

Resumo

O processo de urbanização tem como uma das suas principais consequências alterações no ciclo hidrológico do meio urbano, sobretudo, em decorrência do aumento da impermeabilização do solo. Dentre as estratégias adotadas para a promoção de áreas permeáveis nas cidades encontram-se a exigência de uma taxa de permeabilidade mínima nos lotes, prevista nas legislações urbanísticas, e a incorporação de dispositivos de baixo impacto para o controle e tratamento do escoamento gerado. Com o intuito de avaliar os benefícios hidrológicos decorrentes da adoção dessas estratégias, o objetivo do presente trabalho consistiu em quantificar, por meio de simulação hidrológica, o potencial de redução do escoamento e das vazões de pico gerados em um lote urbano padrão da cidade de João Pessoa/PB, considerando a ocorrência de chuvas com tempos de retorno de 2, 5, 10, 25 e 50 anos. Os resultados obtidos demonstraram que a porcentagem de área permeável no lote exerce uma influência significativa na geração do escoamento no lote (-19%) e que os benefícios dessas intervenções podem ser potencializados com o rebaixamento dessa área em 10 cm (-48%) e a incorporação de uma célula de biorretenção e de um telhado verde (-76%).

© 2022 - Todos os direitos reservados - Sistema de publicação de trabalhos técnico ABRHidro - Associação Brasileira de Recursos Hídricos
Desenvolvido por Pierin.com