I FluHidros - Simpósio Nacional de Mecânica dos Fluidos e Hidráulica

Data: 22/08/2022 à 24/08/2022
Local: Ouro Preto - MG
Mais informações: https://www.abrhidro.org.br/fluhidros

ANÁLISE DA DISPERSÃO DA ÁGUA DE LASTRO NA BAÍA DE PARANAGUÁ

Código

I-FLUHIDROS0011

Autores

Beatriz Silvestre Puchalski, Cynara de Lourdes da Nóbrega Cunha

Tema

Mecânica dos Fluidos (Educação, Hidráulica e Mecânica dos Fluidos Ambiental)

Resumo

Existe um perigo iminente que se esconde nos mares: a água de lastro. Esta água fica enclausurada nos tanques de embarcações cargueiras cuja função é garantir a estabilidade e manter as turbinas submersas mesmo com pouca carga. A água de lastro pode abrigar diversos microrganismos em seu interior, os quais podem ser carregados de uma região a outra causando danos ambientais, econômicos e sanitários. Este trabalho utilizou a ferramenta computacional SisBaHiA - Sistema Base de Hidrodinâmica Ambiental para simular um descarte de água de lastro no interior da Baía de Paranaguá, utilizando o patógeno vibrio cholerae como indicador. No ano de 1999, acredita-se que o surto de cólera que ocorreu na cidade de Paranaguá foi proveniente da água de lastro. Foram utilizados o modelo hidrodinâmico e o modelo de transporte Lagrangeano, para simular a dispersão da água de lastro. Como resultado foi observado a vulnerabilidade da região dado que o descarte no seu interior foi capaz de se dispersar por toda a baía. Os resultados mostram uma necessidade de maior cautela e de monitoramentos permanentes, além de análises de risco para a região, visto que isso evitaria novos eventos epidêmicos na região e adjacências.

© 2022 - Todos os direitos reservados - Sistema de publicação de trabalhos técnico ABRHidro - Associação Brasileira de Recursos Hídricos
Desenvolvido por Pierin.com