XIV ENREHSE - Encontro de Recursos Hídricos em Sergipe

Data: 21/03/2022 à 25/03/2022
Local: Aracaju-SE
Mais informações: http://www.abrhidro.org.br/xivenrehse

ANÁLISE DOS PARÂMETROS QUÍMICOS DA ÁGUA SUBTERRÂNEA NO LESTE SERGIPANO PARA A DESSEDENTAÇÃO ANIMAL

Código

XIV-ENREHSE0003

Autores

Rayane Oliveira Andrade, Paulo Sérgio de Rezende Nascimento

Tema

Qualidade e Quantidade da Água

Resumo

A qualidade da água para dessedentação animal deve atender aos padrões estabelecidos nas legislações vigentes, pois o fornecimento de água com qualidade inferior pode promover a transmissão de patógenos e ocasionar doenças nos animais. Desta forma, o presente trabalho apresenta a análise preliminar dos parâmetros químicos cálcio, magnésio e condutividade elétrica da água subterrânea do aquífero granular do Leste Sergipano para a dessedentação animal. O resultado da comparação dos Valores Máximos Permitidos (VMPs) com os dados espacializados dos poços tubulares, empregando os guias de qualidade da água da Organização Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO) e do Ministério Federal Alemão da Agricultura e Alimentação (BMELV), foi: (i) as regiões que mais apresentaram poços com restrição de uso para dessedentação animal foram as bacias hidrográficas do rio Sergipe e Piauí e Vaza-Barris e (ii) o município com maior restrição foi Aracaju. Conclui-se que o maior impacto na qualidade da água foi a presença elevada dos parâmetros supracitados, em 24 poços de um total de 278, ocasionada pelas cunhas salinas decorrentes da intrusão marinha na região costeira e intemperismo químico por dissolução das rochas. Em Aracaju, as maiores concentrações podem estar associadas aos lançamentos de efluentes por atividades domésticas e industriais.

© 2022 - Todos os direitos reservados - Sistema de publicação de trabalhos técnico ABRHidro - Associação Brasileira de Recursos Hídricos
Desenvolvido por Pierin.com