XII SRHN - SIMPÓSIO DE RECURSOS HÍDRICOS DO NORDESTE

Data: 21/10/2014 à 31/12/2014
Local: Natal - RN
Mais informações:

AVALIAÇÃO DA QUALIDADE AMBIENTAL DA REPRESA DE PITUAÇU, SALVADOR- BAHIA (PAP018416)

Autores

Juliana Jesus Santos

Tema

Qualidade das águas e meio ambiente

Resumo

A represa de Pituaçu localiza-se em área urbana de Salvador. Os estudos limnológicos são de grande importância, uma vez que fornecem informações básicas que servem para propor medidas de proteção da qualidade ambiental dos recursos hídricos. A lagoa de Pituaçu atualmente tem aproximadamente 66 ha de espelho d'água, faz parte da Bacia Hidrográfica do Rio das Pedras (e Pituaçu) e foi originada de um barramento do rio Pituaçu feito em 1906. Este estudo tem a finalidade de diagnosticar o nível de poluição. Foram utilizados os Índices de Qualidade da Água - IQA, Índice de Estado Trófico - IET e Índice de Qualidade do Sedimento, para interpretar os resultados das medições dos parâmetros avaliados, analisou-se o fitoplâncton para identificar bioindicadores de poluição. Os resultados dos índices mostraram cenários distintos do corpo d'água. De acordo com os resultados de IQA o manancial apresenta-se em Boa" qualidade. Quanto aos resultados do IET à lagoa apresenta-se na maioria dos trechos como "Mesotrófico". O IQS foi diagnosticado qualidade sedimentar alterada e desvia-se substancialmente das condições naturais. Foi constatada a presença de microalgas Cyanogranis ferruginea, Aphanocapsa delicatissima e Ankyra sp como espécies bioindicadoras de poluição. Neste sentido, os distintos resultados, estão diretamente ligados."

Sistema de publicação de trabalhos técnico ABRhidro - Associação Brasileira de Recursos Hídricos
Desenvolvido por Pierin.com