XII SRHN - SIMPÓSIO DE RECURSOS HÍDRICOS DO NORDESTE

Data: 21/10/2014 à 31/12/2014
Local: Natal - RN
Mais informações:

AVALIAÇÃO DA EFICIÊNCIA DA UTILIZAÇÃO DA SEMENTE DA MORINGA OLEÍFERA NO TRATAMENTO DE ÁGUA (PAP018355)

Autores

NATÁLIA ANDRADE NUNES, GUSTAVO WILLY NAGEL, BETINA SUZIELLEN GOMES DA SILVA, Mayla Talitta Vieira Costa, Idel Cristiana Bigliardi Milani, CARLOS AUGUSTO FRANCA SCHETTINI

Tema

Qualidade das águas e meio ambiente

Resumo

A água para o consumo humano exige qualidade adequada como forma a evitar problemas à saúde. Porém, em alguns locais, como em zonas rurais, as comunidades não têm acesso à água potável, tendo que recorrer a outras fontes de abastecimento e tratamento alternativo. Uma das alternativas de baixo custo para purificação de água é a utilização de sementes de moringa, que vem sendo avaliada por diferentes pesquisadores. O presente trabalho objetivou avaliar a possibilidade de utilização das sementes de moringa para purificação de água. O processo de purificação foi aplicado à diferentes amostras, sendo elas (a) água servida e (b) água de um manancial hídrico natural (Canal São Gonçalo-Pelotas/RS). Foram avaliados diferentes parâmetros físico-químicos e microbiológicos das amostras antes e depois da utilização da semente. A eficiência foi maior na amostra do Canal São Gonçalo. Houve redução dos teores de coliformes totais, coliformes fecais, cor aparente, cor verdadeira e turbidez. Os resultados preliminares indicam haver a possibilidade de utilização das sementes de moringa como forma a purificar águas de ambientes naturais, porém, estudos mais aprofundados devem ser realizados para futuramente aplicar essa tecnologia de baixo custo em comunidades que não têm acesso a água potável.

Sistema de publicação de trabalhos técnico ABRhidro - Associação Brasileira de Recursos Hídricos
Desenvolvido por Pierin.com