XIV ENES 2020

Data: 09/11/2020 à 11/11/2020
Local: Campinas/SP
ISSN: 2359-2141
Mais informações: http://www.abrhidro.org.br/xivenes

PARÂMETROS HIDRÁULICOS PARA QUANTIFICAÇÃO DE VAZÃO SÓLIDA EM ESCOAMENTOS FLUVIAIS, ESTUDO DE CASO NO RIO JUNDIAÍ, ESTADO DE SÃO PAULO

Autores

Diniz Ferrarezi Neto, Stephanie Caroline Pereira Correa de Medeiros, Luis Fernando Murillo Bermúdez, ANDRE LUIS SOTERO SALUSTIANO MARTIM

Tema

01 - PROCESSOS HIDROSSEDIMENTOLÓGICOS E MORFOLÓGICOS EM BACIAS HIDROGRÁFICAS

Resumo

Quantificar a vazão sólida de um rio é provavelmente um dos problemas mais complexos da hidráulica fluvial. Os problemas que envolvem o transporte de sedimentos são diversos e suas consequências geram perdas ambientais e financeiras. Alguns exemplos são o assoreamento de reservatórios e lagos, danos a estruturas hidráulicas por abrasão, catálise e transporte de produtos químicos, além de potencializar problemas causados por patógenos como bactérias e vírus. Tendo em vista a importância do estudo do transporte de sedimentos, a metodologia aplicada neste trabalho propôs relacionar conceitos das diferentes áreas envolvidas com a engenharia, mais especificamente as relações hidráulicas fluviais, hidrometria e técnicas de coleta de dados topográficos. O objetivo deste trabalho é a determinação de parâmetros hidráulicos, visando sua aplicação em métodos indiretos de quantificação de vazões sólidas. O trabalho foi realizado em uma seção transversal do rio Jundiaí, localizado no município de Campo Limpo Paulista, Estado de São Paulo, Brasil.

Sistema de publicação de trabalhos técnico ABRhidro - Associação Brasileira de Recursos Hídricos
Desenvolvido por Pierin.com