XII ENREHSE - Encontro de Recursos Hídricos em Sergipe

Data: 18/03/2019 à 22/03/2019
Local: São Cristóvão - SE
Mais informações: https://www.abrhidro.org.br/xiienrehse

ESTUDO DE SECA NA BACIA DO RIO SERGIPE ATRAVÉS DA ADOÇÃO DE ÍNDICES DE SECA E DECRETAÇÕES DE SITUAÇÃO DE EMERGÊNCIA

Autores

THIERS PEREIRA DE SOUZA, TATIANA MÁXIMO ALMEIDA ALBUQUERQUE, João Paulo Santos Oliveira, Idalia Ribeiro Santana, Isabela Victória dos Santos

Tema

Água para Todos: Não Deixar Ninguém para Trás

Resumo

No Brasil a seca corresponde ao desastre de maior incidência na região nordeste, e tem ocorrido ultimamente com grande frequência nas regiões Sul e Sudeste. Observa-se com os anos a necessidade de um planejamento e gestão voltados à preparação e prevenção das consequências desse fenômeno. A bacia hidrográfica do rio Sergipe (BHRS) encontra-se em parte localizada no polígono das secas, necessitando-se assim de um monitoramento mais cuidadoso. As medidas governamentais de combate à seca, via de regra, se dão após a consolidação de tal processo, resultando em uma resolução ineficiente do problema. Em busca de reverter esse cenário, o presente trabalho tem como objetivo, analisar a aplicação de dois índices de seca (Decil e o SPI nas escalas 1, 6 e 12 meses) para identificar as regiões atingidas por esse fenômeno do ponto de vista de sua quantificação e posteriormente comparar esses valores com as decretações de seca e estiagem da Defesa Civil do Estado de Sergipe, quantificando o percentual de coincidências entre ambos (índices e decretações). Através dos resultados dessa pesquisa observou-se que houve maiores coincidências entre as decretações da Defesa Civil e o índice SPI-12.

Sistema de publicação de trabalhos técnico ABRhidro - Associação Brasileira de Recursos Hídricos
Desenvolvido por Pierin.com