XII ENAU - ENCONTRO NACIONAL DE ÁGUAS URBANAS

Data: 20/11/2018 à 24/11/2018
Local: Maceió - AL
ISSN: 2359-1897
Mais informações: https://www.abrh.org.br/xivsrhne

FITOPLÂNCTON E QUALIDADE DA ÁGUA EM DOIS SISTEMAS LACUSTRES NA REGIÃO METROPOLITANA DE MANAUS

Autores

Climéia Corrêa Soares, DOMITILA PASCOALOTO, Hillândia Brandão da Cunha

Tema

01. Águas urbanas em regiões metropolitanas

Resumo

Foram investigadas as comunidades de algas planctônicas e a qualidade da água em dois sistemas lacustres na bacia do rio Solimões. O sistema Janauacá abrange dois municípios, Manaquiri e Careiro Castanho. Trata-se de um complexo de lagos que se unem no período de cheia/vazante do rio Solimões, ainda que a água do rio não chegue até a cabeceira do lago, que é abastecida por vários igarapés de água clara (ainda que esses aparentemente sejam de igarapé de água preta). O lago Miriti também tem sua cabeceira em área de terra firme, e é abastecido por igarapés; no período em que ocorre a entrada do rio Solimões, o sistema se transforma num grande lago. No trecho onde a estrada oassa por cima do Miriti existem três balneários, sendo um deles público, o que atrai muitos turistas.  O aporte principal de esgoto da cidade também está no Miriti, próximo à orla, bem como a captação da água de cerca de metade da cidade. Os resultados obtidos sugerem que o período de estiagem é mais propício para a eutrofização na área urbana do sistema lacustre Miriti e que esforços devem ser realizados para verificar as condições no sistema Janauacá nesse período.

Sistema de publicação de trabalhos técnico ABRhidro - Associação Brasileira de Recursos Hídricos
Desenvolvido por Pierin.com