XII ENAU - ENCONTRO NACIONAL DE ÁGUAS URBANAS

Data: 20/11/2018 à 24/11/2018
Local: Maceió - AL
ISSN: 2359-1897
Mais informações: https://www.abrh.org.br/xivsrhne

PRÉ-PROJETO DE UM WETLAND DE FLUXO SUPERFICIAL CONSTRUÍDO COMO ESTRUTURA DE DRENAGEM URBANA SUSTENTÁVEL

Autores

Rafaela Del Rosario Beretta Lopez, Luca Bonaspetti Caprara, Patrícia Kazue Uda

Tema

09. Projeto, restauração e reabilitação de componentes do sistema de drenagem

Resumo

As cidades brasileiras se desenvolveram entorno de rios, modificando seu ciclo hidrológico, sua paisagem natural e a qualidade da água desses ambientes. A situação dos córregos dentro do Campus Reitor Joao David Ferreira Lima da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) se enquadra neste cenário, estando em desacordo com normativas ambientais. O presente trabalho elaborou um pré-projeto de Wetland de fluxo superficial como instrumento de revitalização do córrego urbano da Serrinha, dentro do campus universitário da UFSC. O objetivo do trabalho foi melhorar a qualidade do córrego, assim como, amortecer os picos de vazão, reduzindo os riscos de enchentes. Para garantir a eficiência de remoção de poluentes, foi proposta a inclusão de bacia de sedimentação a montante. Foi calculado um volume de armazenamento baseado no tempo de detenção hidráulico suficiente para ocorrer as reações biológicas e físicas no Wetland, resultando um volume total do sistema de 4.157 m3. Finalmente, foi estimada a eficiência de remoção de poluentes do sistema, e o resultado comparado com os limites máximos para rios de Classe II, aplicado ao córrego da Serrinha. A água tratada não se enquadraria dentro dos limites de Classe II, mas possui eficiente remoção de diversos poluentes, e a melhoria da qualidade da água e do seu entorno seriam profundamente visíveis.

Sistema de publicação de trabalhos técnico ABRhidro - Associação Brasileira de Recursos Hídricos
Desenvolvido por Pierin.com