III SRHPS - Simpósio de Recursos Hídricos do Rio Paraíba do Sul

Data: 27/08/2018 à 29/08/2018
Local: Juiz de Fora - MG
Mais informações: http://www.ufjf.br/srhps/

DETERMINAÇÃO DO FATOR DE ATRITO DA EQUAÇÃO DE DARCY- WEISBACH A PARTIR DE DADOS MEDIDOS EM RIOS

Autores

Vinícius Martins de Souza, Luiz Evaristo Dias Paiva

Tema

Técnicas Aplicadas em Gerenciamento de Recursos Hídricos

Resumo

Neste artigo apresenta-se o resultado de um estudo experimental inerente a análise das variáveis intervenientes na variação do fator de atrito (f) da Equação de Darcy-Weisbach, medidos em um trecho de rio de aproximadamente cem metros de extensão em uma seção de monitoramento de aproximadamente dez metros de largura superficial e profundidade máxima da ordem de dois metros, existente no bairro de Chápeu D?Uvas em Juiz de Fora (MG). Na seção de monitoramento, foram realizadas 25 campanhas de medições que proporcionaram o provimento dos dados necessários para a realização do trabalho. O estudo mostrou que os parâmetros adimensionais mais representativos no impacto da variação do fator de atrito da Equação de Darcy-Weisbach para o rio Paraibuna são: um termo que representa uma rugosidade relativa (D90/RH); um parâmetro que traduz a intensidade de turbulência do escoamento (V/V*) e o número de Froude (Fr) que traduz as forças de inércia sobre as forças gravitacionais. Foi obtida uma equação que permite calcular o fator de atrito (f) empregando-se os adimensionais sobreditos. O coeficiente de correlação do ajuste foi de 0,98. Quando os valores calculados pela equação ajustada foram comparados aos medidos, utilizando-se o critério da diferença percentual relativa - em valores absolutos - observou-se que o erro médio foi 6% e o máximo de 16% destacando que em três campanhas de medidas o valor calculado foi igual ao medido.

Sistema de publicação de trabalhos técnico ABRhidro - Associação Brasileira de Recursos Hídricos
Desenvolvido por Pierin.com