III SRHPS - Simpósio de Recursos Hídricos do Rio Paraíba do Sul

Data: 27/08/2018 à 29/08/2018
Local: Juiz de Fora - MG
Mais informações: http://www.ufjf.br/srhps/

BACIA DO RIO NOVO: UM ESTUDO MORFOMÉTRICO, QUALITATIVO E QUANTITATIVO

Autores

Yago Vinícius Motta Benedito, Pedro Barreiros Silva de Souza Fagundes, Guilherme Bento Nicolau, Celso Bandeira de Melo Ribeiro

Tema

Gestão de Recursos Hídricos

Resumo

As recentes discussões sobre o correto e adequado gerenciamento das águas para seus respectivos fins vêm sendo realizadas de forma concisa principalmente devido às crises hídricas ocorridas nos últimos anos ocasionadas pelas mudanças climáticas e o aumento do uso, principalmente no que tange ao abastecimento público e industrial. Neste cenário, a utilização das bacias como unidade de gerenciamento dos recursos hídricos tem atraído cada vez mais a atenção para a necessidade de planejamento integrado dessas regiões, na tomada de decisões. Para tal, fazse necessário conhecer bem a bacia a fim de tirar proveito de suas características e utilizá-las da melhor forma visando alcançar a sustentabilidade. Dessa maneira, este trabalho traz uma caracterização da bacia do rio Novo, localizada na Zona da Mata do estado de Minas Gerais e apresenta suas características morfométricas, suas vazões de referência e o estado da qualidade da água, a fim de ajudar as tomadas de decisão desta região. Obteve-se um Coeficiente de Compacidade de 2,38 e um fator de forma de 0,101, além do índice de sinuosidade igual a 1,4. Além disso, foi possível a geração de cartas de declividade e cobertura do solo, as quais auxiliaram na leitura e interpretação de dados do estudo. Quanto à qualidade da água, foi encontrada a classificação média.

Sistema de publicação de trabalhos técnico ABRhidro - Associação Brasileira de Recursos Hídricos
Desenvolvido por Pierin.com