XXII SBRH - Simpósio Brasileiro de Recursos Hídricos

Data: 26/11/2017 à 01/12/2017
Local: Florianópolis - SC
Mais informações: http://www.abrh.org.br/xxiisbrh

A QUALIDADE DAS ÁGUAS SUBTERRÂNEAS NA BACIA DO RIO JACUTINGA, MEIO-OESTE DE SANTA CATARINA

Autores

Gedalva Terezinha Ribeiro Filipini, LUIZ FERNANDO SCHEIBE

Tema

6 - Águas subterrâneas

Resumo

A bacia do Rio Jacutinga integra a Região Hidrográfica do Vale do Rio do Peixe (RH3) no Oeste de Santa Catarina. Situada na província hidrogeológica do Paraná sobre o Sistema Aquífero Integrado Guarani/Serra Geral (SAISG), e originalmente recoberta pelo bioma Mata Atlântica, é no presente caracterizada pela criação intensiva de suínos e aves, que dá sustentação à indústria de alimentos. A suinocultura catarinense é reconhecida pela produtividade, participando com 38% das exportações brasileiras do setor (ABPA, 2017). Atividade potencialmente poluidora, a suinocultura é considerada a principal responsável pelo comprometimento da qualidade da água no Oeste do Estado (LINDNER, 1999; GUIVANT e MIRANDA, 2004; MARCHESAN, 2007; LOPES, 2012), em decorrência da densidade de animais e da inexistência de área agricultável suficiente para a aplicação desse efluente como fertilizante. A caracterização físico-química e microbiológica da água oriunda de 23 poços profundos foi o objeto de análise desta pesquisa, com vistas a identificar possível correlação da qualidade dos recursos hídricos subterrâneos com o uso da terra. Alguns parâmetros mostraram-se em desconformidade com os padrões de potabilidade, indicando riscos à saúde pública.

Sistema de publicação de trabalhos técnico ABRhidro - Associação Brasileira de Recursos Hídricos
Desenvolvido por Pierin.com