XXII SBRH - Simpósio Brasileiro de Recursos Hídricos

Data: 26/11/2017 à 01/12/2017
Local: Florianópolis - SC
Mais informações: http://www.abrh.org.br/xxiisbrh

A IMPLANTAÇÃO DE PARQUES LINEARES COMO FORMA DE PRESERVAÇÃO E RECUPERAÇÃO DE ÁREAS DE VÁRZEA PARA MITIGAÇÃO DOS IMPACTOS DA OCUPAÇÃO DE FUNDOS DE VALE E MANEJO DE ÁGUAS PLUVIAIS NA CAPITAL DO ESTADO DE SÃO PAULO

Autores

Maíra Piccolotto Issa, LUÍS EDUARDO GREGOLIN GRISOTTO, MARTA MARIA ALCIONE PEREIRA, MARIA ALICE MARINHO, HEITOR COLLET DE ARAÚJO LIMA

Tema

13 - Manejo de águas urbanas

Resumo

O objetivo deste artigo é apresentar iniciativas de implantação de parques lineares como forma de manejo de águas pluviais, preservação e recuperação de várzeas, focando na Capital do Estado de São Paulo. Para tal, será abordado um rápido histórico das transformações urbanas ocorridas a partir da segunda metade do século XIX, que resultaram em mudanças na relação entre o ambiente antrópico e o natural, com o aumento progressivo da área urbanizada, da impermeabilização do solo e da ocupação de fundos de vale. Serão analisadas, ainda, as propostas de medidas mitigadoras e de redução dos riscos ambientais e sociais decorrentes daquele modelo de crescimento urbano, como foco na implantação de parques lineares, tomando como exemplo o Parque Várzeas do Tietê, iniciativa do Governo do Estado de São Paulo.

Sistema de publicação de trabalhos técnico ABRhidro - Associação Brasileira de Recursos Hídricos
Desenvolvido por Pierin.com